Palavra do Senhor

"E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." (João 8 : 32)

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Dilma barra PMDB na coordenação política do governo

Partido de Temer queria emplacar Edison Lobão em reuniões no Planalto Marina Dias, Luciana Marques

A negativa da presidente Dilma Rousseff em conceder um assento ao PMDB nas reuniões de coordenação política - o núcleo duro do governo - contribui para deteriorar a já conturbada relação entre petistas e peemedebistas neste início de gestão. Após cancelar a reunião desta segunda-feira, Dilma convocou o vice-presidente Michel Temer e o ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, para uma conversa a portas fechadas no Palácio do Planalto. Neste encontro, disse a Temer que o PMDB não teria espaço nas reuniões. Inicialmente, o partido do vice havia indicado o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, para integrar o grupo, mas Dilma e seus assessores mais próximos decidiram que essa não era a medida correta a ser tomada.

De acordo com pessoas próximas ao vice-presidente, o governo decidiu não abrir espaço para o PMDB para não ser pressionado a fazer o mesmo com outros partidos aliados. "A ideia não é fazer uma assembleia", disse um interlocutor de Temer. No entanto, acatar a decisão de Dilma coloca o vice-presidente em situação difícil, já que diversos setores de seu partido se mostraram - por diversas vezes - insatisfeitos com o que chamam de "escanteamento" da legenda neste início de governo.

Apesar de Temer ser considerado um político de peso e uma liderança nata dentro do PMDB, suas opiniões não são compartilhadas com todos os setores do partido e o fato de ele ter aceitado a decisão de Dilma pacificamente pode provocar reações na legenda.

A temperatura esquentou entre PT e PMDB logo na primeira semana de governo. Dizendo-se prejudicados na partilha de cargos do segundo escalão, deputados peemedebistas ameaçaram defender um valor maior para o mínimo. Lula havia fixado o salário em 540 reais, mas a decisão será submetida ao Congresso Nacional para entrar em vigor.

Oficial - A reunião de coordenação política do governo deve acontecer semanalmente no Palácio do Planalto. Além de Dilma e Temer, participam do encontro os ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo; do Planejamento, Miriam Belchior; da Fazenda, Guido Mantega; de Relações Institucionais, Luiz Sérgio; da Secretaria de Comunicação da Presidência, Helena Chagas; da Casa Civil, Antonio Palocci; da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho; e o chefe de gabinete da Presidência, Giles Azevedo.


Sobe para sete o número de mortos pelas chuvas em SP

Capital teve deslizamentos durante toda a noite; ainda há vários desaparecidos







Tragédia: casas soterradas por deslizamento em São José dos Campos, no interior de São Paulo (Lucas Lacaz Ruiz/Folhapress )

A chuva que atingiu São Paulo na noite de segunda-feira provocou a morte de pelo menos sete pessoas na capital paulista, na região metropolitana e no interior. Pelo menos cinco rios transbordaram, causando quase 70 pontos de alagamento e colocando cinco regiões da capital em estado de
alerta. Em São José dos Campos, no interior, duas pessoas morreram e outras estão desaparecidas em decorrência do soterramento de duas casas, informa a Defesa Civil do estado.

Na capital, duas pessoas morreram no bairro do Jaçanã. Na região metropolitana, mais três vítimas: duas em Mauá e uma em Embu. Desde meados de dezembro, o estado de São Paulo teve dezoito mortes provocadas pelas fortes chuvas. Treze delas foram provocadas por deslizamentos, duas por enchentes e três por outros motivos. De acordo com a Defesa Civil, há outra possível morte que ainda não foi confirmada e quatro pessoas estão desaparecidas.

A cidade registrou casos de deslizamentos durante toda a noite. Às 6 horas da manhã desta terça-feira, o Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura registrava 53 pontos de alagamento em toda a cidade - no ápice da chuva, às 23 horas de ontem, foram 69, sendo que 38 deles eram intransitáveis. O GCE mantém a zona norte da cidade em estado de atenção e a Marginal Tietê, em estado de alerta.

Transporte - O paulistano sente também o reflexo da chuva no trânsito. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) suspendeu o rodízio de veículos de passeio por toda a terça-feira e o de caminhões até meio-dia, período em que eles também estão autorizados a circular nos corredores em que há restrição de trânsito, como a Marginal Pinheiros, a Avenida dos Bandeirantes, a Affonso D. Escragnolle Taunay e a Jornalista Roberto Marinho.

Às 6h59 da manhã de terça-feira, a CET registrava 60 quilômetros de lentidão, índice alto para o horário. Ao longo da manhã o engarrafamento tem diminuído. Às 10 horas, a extensão do trânsito lento era de 44 quilômetros. A região mais crítica é a Zona Norte, que chegou a registrar 14 quilômetros de lentidão. A Marginal Tietê esteve praticamente intransitável entre as Pontes das Bandeiras e Julio de Mesquita Neto. Após o meio-dia, a extensão do tráfego lento foi reduzida para 14 km e as principais pistas da cidade foram liberadas.

Luis Cleber/AE

Alagamento no túnel Anhangabaú, no centro

Os córregos Cabuçu de Baixo, Morro do S, Jaguaré e Limão transbordaram, assim como o Rio Tietê, cuja águas invadiram a Marginal em dois pontos, na altura da Penha (Zona Leste) e do Piqueri (Zona Oeste). O Rio Pinheiro também transbordou e causou um ponto de alagamento na altura da Ponte da Cidade Universitária, na Marginal Pinheiros. Dois túneis, ambos na zona oeste, tiveram que ser fechados por causa da chuva.

O metrô de São Paulo também enfrentou problemas. As plataformas de embarque e desembarque da Estação República, localizada no centro, foram invadidas pelas águas. Apesar do incidente, o metrô informou que a operação prossegue normalmente. A circulação de trens da CPTM também foi prejudicada pelas chuvas. Da noite de segunda até o início da manhã desta terça o trecho entre as estações Caieiras e Franco da Rocha, na Linha 7-Rubi ficou interrompida porque a região estava alagada. Às 9 horas, porém, a situação foi normalizada em toda a cidade.

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/chuva-forte-provoca-transbordamento-de-cinco-rios-em-sp

Bíblia e crucifixo são retirados do gabinete de Dilma no Planalto


Em sua primeira semana, Dilma Rousseff fez mudanças em seu gabinete. Substituiu um computador de mesa por um laptop e retirou a Bíblia da mesa e o crucifixo da parede.

Durante a campanha eleitoral, a então candidata se declarou católica e foi atacada pelos adversários sob a acusação de ter mudado suas posições religiosas.

A presidente também trocou móveis para deixar o ambiente "mais confortável". Os estofados coral, usados no Palácio do Catete no governo Vargas, foram substituídos por poltronas e um sofá da linha Navona, do arquiteto Sergio Rodrigues.

Dilma começou a trabalhar às 9h30. O primeiro compromisso é com Helena Chagas (Comunicação Social) para se informar; a seguir, com o chefe de gabinete, Gilles Azevedo; depois com Antonio Palocci (Casa Civil).

A presidente não tolera atrasos. Pede objetividade e não gosta de expressões como "eu acho". Apesar do estilo rígido, um interlocutor que acompanhou os primeiros dias de Lula no poder diz que a sensação é de que Dilma está "mais à vontade".

No período inicial, uma semelhança entre eles: Lula priorizou a agenda interna. Dilma faz o mesmo ao ter o trabalho dominado por reuniões com ministros.

Fonte: Folha.com
Link para a noticia: http://www.noticiasgospel.com/2011/01/biblia-e-crucifixo-sao-retirados-do-gabinete-de-dilma-no-planalto/

sábado, 8 de janeiro de 2011

Para meditação

Uma pobre senhora, com visível ar de derrota estampado no rosto,
entrou num armazém, se aproximou do proprietário conhecido pelo seu
jeito grosseiro, e lhe pediu fiado alguns mantimentos.

Ela explicou que o seu marido estava muito doente e não podia
trabalhar e que tinha sete filhos para alimentar.

O dono do armazém zombou dela e pediu que se retirasse do seu estabelecimento.

Pensando na necessidade da sua família ela implorou:

- "Por favor senhor, eu lhe darei o dinheiro assim que eu tiver...".

Ele lhe respondeu que ela não tinha crédito e nem conta na sua loja.

Em pé no balcão ao lado, um freguês que assistia a conversa entre os
dois se aproximou do dono do armazém e lhe disse que ele deveria dar o
que aquela mulher necessitava para a sua família, por sua conta.

Então o comerciante falou meio relutante
para a pobre mulher:

"Você tem uma lista de mantimentos?"

- "Sim", respondeu ela.

- "Muito bem, coloque a sua lista na balança e o quanto ela pesar, eu
lhe darei em mantimentos!"

A pobre mulher hesitou por uns instantes e com a cabeça curvada,
retirou da bolsa um pedaço de papel, escreveu alguma coisa e o
depositou suavemente na balança.

Os três ficaram admirados quando o prato da
balança com o papel desceu e permaneceu embaixo.

Completamente pasmado com o marcador da balança, o comerciante
virou-se lentamente
para o seu freguês e comentou contrariado:

"Eu não posso acreditar!".

O freguês sorriu e o homem começou a colocar os mantimentos no outro
prato da balança.

Como a escala da balança não equilibrava, ele continuou colocando mais
e mais mantimentos até não caber mais nada.

O comerciante ficou parado ali por uns instantes olhando para a
balança, tentando entender o que havia acontecido...

Finalmente, ele pegou o pedaço de papel da balança e ficou espantado
pois não era uma lista de compras e sim uma oração que dizia:

"Meu Senhor, o Senhor conhece as minhas necessidades e eu estou
deixando isto em Suas mãos..."

O homem deu as mercadorias para a pobre mulher no mais completo
silêncio, que agradeceu e deixou o armazém.

O freguês pagou a conta e disse:
- "Valeu cada centavo..."

Só Deus sabe o quanto pesa uma oração...

[divider]

Quando você receber esta mensagem, faça uma oração, peça a Deus por
seus sofrimentos, por suas necessidades, pela falta de um emprego, por
uma pessoa especial doente, por alguma enfermidade, e se não tiver
nada a pedir, agradeça pelas bênçãos que recebemos todos os dias.

É só isso o que você deve fazer.

Depois encaminhe esta mensagem para algumas pessoas com as quais você
se importe. Se DEUS falou ao seu coração, abençoe alguém, enviando-lhe
esta fantástica lição!

Não existe impossível para DEUS!
ELE DIZ:

- "EU SUPRIREI TODAS AS SUAS NECESSIDADES"
(Filipenses 4:19)

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

“ O Bem e o Mal têm a mesma face;

Pacificadores

Conheça a AMME Evangelizar.
Esta realmente vai te ajudar no evangelismo da sua igreja.


PACIFICADORES é a Escola Intensiva de Evangelização da AMME Evangelizar. A campanha deste ano será em Campina Grande na Paraíba, de 2 a 8 de março. A Escola se destina a adolescentes e jovens (15 a 24 anos) e terá como tema “a amizade”.
Para informações e pré-inscrição.



Chuva expulsa quase 34 mil pessoas de casa no Sudeste

No total, 3.129 pessoas estão desabrigadas e 30.849 desalojadas

As chuvas que atingiram o Sudeste desde o final de outubro passado já obrigaram 33.978 pessoas a deixarem suas casas, segundo informações dos órgãos de Defesa Civil dos Estados desta quarta-feira (5). São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo têm um total de 3.129 desabrigados (pessoas que perderam tudo e recorrem a abrigos públicos) e 30.849 desalojados (aqueles que podem contar com a ajuda de vizinhos e familiares).

No Estado de São Paulo, a Defesa Civil registra, desde 1º de dezembro até as 6h30 desta quarta-feira (5), 1.908 desalojados e 375 desabrigados. No total, já são 29 cidades em estado de atenção.

De acordo com relatório do órgão, foram quatro mortes e dez pessoas feridas. Na madrugada desta quarta-feira, uma quinta vítima morreu em um deslizamento no morro do Macuco, no município de Mauá, na Grande São Paulo.

No Rio de Janeiro, os temporais já deixaram 1.038 pessoas desalojadas e 328 desabrigados em todo o Estado, do dia 24 de dezembro até a madrugada de terça-feira (4). Segundo a Defesa Civil, no entanto, a maioria das pessoas já voltou para suas casas. Na terça-feira, três meninas morreram em Petrópolis, na região serrana, devido a um deslizamento de terra.

Em Minas Gerais, 51 cidades decretaram situação de emergência devido a deslizamentos de terra, inundações e vendavais no Estado, desde outubro do ano passado. Quinze pessoas morreram nesse período. Segundo boletim do órgão, nesta quarta-feira, mais de 13 mil pessoas tiveram que deixar suas casas. Dessas, 11.947 estão desalojadas e 1.660 desabrigadas. No período, mais de 30 pessoas ficaram feridas e 4.047 casas foram danificadas em diversas cidades.

No Espírito Santo, as chuvas já deixaram 766 desabrigados e 15.956 desalojados em 32 cidades. Cinco pessoas morreram e 14 cidades já decretaram situação de emergência. As chuvas no Estado começaram em 24 de dezembro. Um balanço até esta quarta-feira aponta que a Defesa Civil notificou mais de 10 mil imóveis danificados.

Fonte R7.com

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Finalmente, a verdade é dita na TV Americana!

A filha de Billy Graham estava sendo entrevistada no Early Show e Jane Clayson perguntou a ela: - Como é que DEUS teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro?

Anne Graham deu uma resposta extremamente profunda e sábia. Ela disse: "Eu creio que DEUS ficou profundamente triste com o que aconteceu, tanto quanto nós. Por muitos anos nós temos dito para DEUS não interferir em nossas escolhas, sair do nosso governo e sair de nossas vidas. Sendo um cavalheiro como DEUS é, eu creio que Ele calmamente nos deixou. Como poderemos esperar que DEUS nos dê a Sua bênção e Sua proteção se nós exigimos que Ele não se envolva mais conosco?"

Eu sei que há muita gente mandando email a respeito do dia 11 de setembro de 2001, mas um atentado assim, como o ocorrido, realmente faz você pensar. Se você acha que não tem tempo, pelos menos passe os olhos nesta crônica, pois no fundo é algo sério para se pensar... À vista dos acontecimentos recentes.... ataque dos terroristas, tiroteio nas escolas, etc.

Eu creio que tudo começou desde que Madeline Murray O' Hare (que foi assassinada e seu corpo encontrado recentemente), se queixou de que era impróprio se fazer oração nas escolas americanas como se fazia tradicionalmente, e nós concordamos com a sua opinião. Depois disso, alguém disse que seria melhor também não ler mais a Bíblia nas escolas... A Bíblia que nos ensina que não devemos matar, não devemos roubar, e devemos amar o nosso próximo como a nós próprios. E nós concordamos.

Logo depois, o Dr. Benjamin Spock disse que não deveríamos bater em nossos filhos quando eles se comportassem mal, porque suas personalidades em formação ficariam distorcidas e poderíamos prejudicar sua auto-estima. (O filho do Dr. Spock cometeu suicídio) E nós dissemos: "um perito nesse assunto deve saber o que está falando", e então concordamos com ele.

Depois alguém disse que os professores e os diretores das escolas não deveriam disciplinar os nossos filhos quando eles se comportassem mal. Os administradores escolares então decidiram que nenhum professor em suas escolas deveria tocar em um aluno quando se comportasse mal, porque não queriam publicidade negativa, e não queriam ser processados. (Há uma grande diferença entre disciplinar e tocar, bater, dar socos, humilhar e chutar, etc.) E nós concordamos com tudo.

Aí alguém sugeriu que deveríamos deixar que nossas filhas fizessem aborto, se elas assim o quisessem, e que nem precisariam contar aos pais. E nós aceitamos essa sugestão sem ao menos questioná-la.

Em seguida algum membro da mesa administrativa escolar muito sabido disse que, como rapazes serão sempre rapazes, e que como homens iriam acabar fazendo o inevitável, que então deveríamos dar aos nossos filhos tantas camisinhas quantas eles quisessem, para que eles pudessem se divertir à vontade, e que nem precisaríamos dizer aos seus pais que eles as tivessem obtido na escola. E nós dissemos, "está bem".

Depois alguns dos nossos oficiais eleitos mais importantes disseram que não teria importância alguma o que nós fizéssemos em nossa privacidade, desde que estivéssemos cumprindo com os nossos deveres. Concordando com eles, dissemos que para nós não faria qualquer diferença o que uma pessoa fizesse em particular, incluindo o nosso presidente da República, desde que o nosso emprego fosse mantido e a nossa economia ficasse equilibrada.

Então alguém sugeriu que imprimíssemos revistas com fotografias de mulheres nuas, e disséssemos que isto é uma coisa sadia, e uma apreciação natural da beleza do corpo feminino. E nós também concordamos.

Depois uma outra pessoa levou isto um passo mais adiante e publicou fotos de crianças nuas e foi mais além ainda, colocando-as à disposição na Internet. E nós dissemos, "está bem, isto é democracia, e eles têm direito de ter a liberdade de se expressar e fazer isso".

A indústria de entretenimento então disse: "Vamos fazer shows de TV e filmes que promovam profanação, violência e sexo ilícito. Vamos gravar música que estimule o estupro, drogas, assassínio, suicídio e temas satânicos." E nós dissemos: "Isto é apenas diversão, e não produz qualquer efeito prejudicial. Ninguém leva isso a sério mesmo, então que façam isso!"

Agora nós estamos nos perguntando por que nossos filhos não têm consciência, e por que não sabem distinguir entre o bem e o mal, o certo e o errado, por que não lhes incomoda matar pessoas estranhas ou seus próprios colegas de classe ou a si próprios... Provavelmente, se nós analisarmos tudo isto seriamente, iremos facilmente compreender: Nós colhemos exatamente aquilo que semeamos!

Uma menina escreveu um bilhetinho para DEUS, dizendo: "Senhor, por que não salvaste aquela criança na escola?" A resposta Dele seria: "Querida criança, não me deixam entrar nas escolas!" Do Seu DEUS.

É triste como as pessoas simplesmente culpam DEUS e não entendem por que o mundo está indo a passos largos para o inferno. É triste como cremos em tudo que os jornais e a TV dizem, mas duvidamos do que a Bíblia nos diz. É triste como todo o mundo quer ir para o céu, desde que não precise crer, nem pensar ou dizer qualquer coisa que a Bíblia ensina. É triste como alguém diz: "Eu creio em DEUS", mas ainda assim segue a Satanás, que por sinal, também "crê" em DEUS.

É engraçado como somos rápidos para julgar mas não queremos ser julgados! Como podemos enviar centenas de piadas pelo email, e elas se espalham como fogo, mas quando tentamos enviar algum email a respeito de DEUS, as pessoas têm medo de compartilhar e re-enviá-lo a outros! É triste ver como o material imoral, obsceno e vulgar corre livremente na Internet, mas uma discussão pública a respeito de DEUS é suprimida rapidamente na escola e no trabalho. É triste ver como as pessoas ficam inflamadas a respeito de Cristo no domingo, mas depois se transformam em cristãos invisíveis pelo resto da semana. Você está achando graça? Você mesmo pode não querer re-enviar esta mensagem a muitos da sua lista de endereços porque você não tem certeza a respeito de como a receberão, ou do que pensarão a seu respeito, por lhes ter enviado. Não é verdade? Gozado que nós nos preocupamos mais com o que as outras pessoas pensam a nosso respeito do que com o que DEUS pensa...

Passe esta mensagem para a frente, se acha que ela tem algum mérito. Se não, ignore-a.

Que DEUS nos abençoe

"O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos." ( Oséias 4: 6 )
Fonte: Libertos do Opressor!

sábado, 1 de janeiro de 2011

Festa muito linda.

A paz meus amados.

Rompi o ano na igreja Batista Ebenézer ao qual foi comemorada na virada do ano a festa do Hanucká, foi muito bonito. Muita luz e muita alegria, verdadeiramente gostei muito. Quem quiser ver, dê uma olhada em meu orkut? As fotos estão todas lá, dê uma olhada.
Que este ano que se inicia seja um ano de crescimento espiritual e material na sua vida e da sua família.

Fica na paz de Yeshua.