Palavra do Senhor

Jeremias 30:8. Porque será naquele dia, diz o SENHOR dos Exércitos, que eu quebrarei o seu jugo de sobre o teu pescoço, e quebrarei os teus grilhões; e nunca mais se servirão dele os estrangeiros.

quarta-feira, 30 de maio de 2012


segunda-feira, 28 de maio de 2012

Magno Malta confirma sessão solene para homenagear Xuxa e Joana




Na última quarta-feira (23) o senador Magno Malta confirmou que irá promover uma sessão solene em homenagem a apresentadora Xuxa Meneguel e a nadadora Joana Maranhão. A homenagem será no próximo dia 11 no Congresso Nacional, quando acontecerá a simbólica sanção da nova Lei Joana Maranhão. Ambas foram abusadas sexualmente quando eram crianças.

Em depoimento veiculado na TV Globo no último domingo, durante o programa Fantástico, a apresentadora Xuxa Meneghel disse ter sofrido abuso sexual na infância. Xuxa revelou ter sido abusada sexualmente “várias vezes” e que não contou aos seus pais por medo. Ela apontou o “melhor amigo” do pai e o namorado da avó como dois dos responsáveis pelo abuso. Xuxa também citou um professor. Ele teria dito que ninguém acreditaria na palavra da apresentadora, então uma criança, caso ela resolvesse revelar o abuso.

 O estresse causado pela revelação da apresentadora Xuxa, de que sofreu abuso sexual até os 13 anos, e pela avalanche de pedidos de entrevista e mensagens sobre o tema abalaram a nadadora Joanna que chegou a desmaiar.

Em fevereiro de 2008 Joanna Maranhão reuniu coragem para revelar em uma entrevista que havia sido abusada por um ex-treinador. A declaração acabou marcando uma retomada em sua carreira, com bons momentos nos últimos anos. O assunto ainda é delicado para a atleta.

Segundo o senador Magno Malta, que presidiu a famosa CPI da Pedofilia, “de cada dez casos de abusos contra crianças, sete são praticados por parentes, sendo a maioria pelos próprios pais. Joana uma atleta olímpica, teve a consciência de denunciar o técnico, por isso à lei leva o seu nome. Já a “Rainha dos Baixinhos”, carinhosamente chamada de Xuxa, em público, sem pressão, contou sua história de que foi abusada até os 13 anos, dentro da própria casa. Estas heroínas merecem tapete vermelho, honraria e reconhecimento pelo que estão fazendo pelas nossas crianças”, disse Malta. 

Senador Malta usou o microfone do plenário para anunciar que o presidente do Senado, José Sarney, acatou seu requerimento e marcou a sessão solene, que também contará com representantes do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e outras convidadas que estão nesta campanha contra a pedofilia.

Depois da sessão solene as homenageadas – Joana Maranhão e Xuxa – serão recebidas pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, que já até assinou a sanção da Lei Joana Maranhão. “Dilma não perdeu tempo, ela é mulher de luta e sabe da importância desta lei para o Brasil”, explicou Malta.

A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República informou que o Disque 100 – serviço que recebe e dá orientações em casos de violação dos direitos humanos – recebeu 285.051 ligações somente na última segunda (21) e na terça-feira (22).

Representa um crescimento de 30% em relação ao total de ligações do mesmo período na semana passada. O número inclui ligações sobre qualquer tipo de violação, não apenas relacionadas a abuso e exploração sexual de crianças.

Enquanto isso na comissão de direitos humanos o casamento gay fica cada vez mais legalizado diante da omissão dos nossos senadores que se dizem evangélicos.

 (Fonte em parte: Gospel Prime)

Senadores evangélicos se omitiram na votação que aprovou o casamento gay na Comissão de Direitos Humanos

Na última quinta feira (24) foi aprovada na Comissão de Direitos Humanos (CDH) do Senado o Projeto de Lei 612/2011, que altera o Código Civil brasileiro e reconhece a legalidade da união estável entre homossexuais. No dia da votação que aprovou esse projeto, os dois senadores evangélicos que integram a comissão não compareceram.

O projeto, de autoria da senadora Marta Suplicy (PT/SP), altera os artigos 1.723 e 1.726 do Código Civil, de forma a permitir que casais homossexuais que vivem em união estável poderão solicitar o registro civil de casamento, e não apenas de união civil entre homossexuais.

A CDH tem entre seus integrantes os senadores evangélicos Magno Malta (PR/ES) e Eduardo Lopes (PRB/RJ), que é substituto do senador Crivella que se afastou para assumir o Ministério da Pesca. Porém os senadores não compareceram e votação e, segundo o holofote.net, também não informaram a seus eleitores sobre a possibilidade de aprovação da lei na comissão.

Entre os senadores que votaram a favor do projeto estava Eduardo Amorim, do Partido Social Cristão. Amorim não é integrante da bancada evangélica, mas faz parte de um partido que defende como bandeira o modelo de família defendido na Bíblia.

Diante da aprovação da lei o Deputado Marco Feliciano se manifestou no Twitter afirmando que iria divulgar os nomes dos parlamentares que votaram a favor do projeto, para que a população pudesse se manifestar.

Vamos esperar e ver os nomes, apesar que já sabemos.

Um está fazendo campanha em favor da Xuxa, não desmerecendo o que ela passou não desejo esse mal para ninguém. Porém devia ser mais empenhado na causa do evangelho.

Fonte: Gospel+

sábado, 19 de maio de 2012

Artigo do deputado Marcos Feliciano.

ATENÇÃO: 

NOSSOS FILHOS CORREM PERIGO!

“Meninos jogando bola, meninas empurrando carrinhos de boneca. Desde cedo, professores reproduzem os estereótipos que, no futuro, legarão às mulheres postos de trabalho menos qualificados.
Esse é um desafio que toda a sociedade precisa encarar”.
Paulo de Camargo

Ao abrir a pasta que me foi entregue na Audiência Publica promovida pela Comissão de Educação e Cultura, tendo como propositor o Deputado Federal Jean Willis, Érika Kokay e Fátima Bezerra, deparei-me com o material didático entregue aos participantes, e entre eles, a cópia de uma matéria publicada na Revista Claudia – Educar para crescer, página 99, abril de 2011, contendo a estúpida, estapafúrdia e irresponsável frase com a qual iniciei este artigo.

Nela se insinua que meninos e meninas devem passar por uma doutrinação na contramão da sua infância, deixando de lado seus brinquedos tais como citados, alegando que tais estereótipos nortearão num futuro a baixa estima das meninas…

Maquinação maldita para se propagar os fundamentos, pensamentos da ditadura GAY, para uma classe da sociedade que está indefesa, a saber, nossas crianças, que dioturnamente são bombardeadas na mídia, através programações maliciosas, e entre elas algumas tidas como infantis, que trazem em seu bojo mensagens subliminares mostrando que é normal ser gay. E como se não bastasse os programas televisivos, o apelo nas escolas por uma “cultura gay” acessível e praticante, correndo através de livros didáticos, cartilhas, e se não travássemos aqui em Brasília, somar-se-ia a estes, o famigerado “kit gay”.

Sob o argumento de proteção a pessoa, não ao bullying e não a homofobia, alguns parlamentares da bancada LGBTT, defenderam com unhas e dentes o Pl.122, e não mediram palavras para chamar todos os contrários de HOMOFÓBICOS, FUNDAMENTALISTAS, RETRÓGRADOS, etc.

Pasmem, mas UNICEF (famosa pela campanha Criança Esperança) e UNESCO, enviaram representantes que, detalharam seus pensamentos à favor de que nossas crianças sejam doutrinadas na escola e não mais pelo Pai e Mãe, pois, este modelo de família é ultrapassado, insinuaram, e que o modelo de família (pai + mãe) é machista demais.

Tentei brandamente e com respeito exercer meu direito como parlamentar e entrar no debate, mas aos gritos e sob acusações fui interrompido por mais de uma vez pelos militantes gays, que não respeitam quem pensam contrário aos seus pensamentos, e assim me retirei do recinto, entristecido, consternado e, confesso, apavorado!

Ouvi de um Deputado pró-LGBTT nesta audiência sugerir que é preciso se pensar em como ensinar não apenas nas escolas, no primário, mas em uma forma de ensinar bem antes, pois as crianças já vinham “contaminadas” de casa ou das creches! E por estes dias vou disponibilizar o vídeo para que todos no Brasil o conheçam e ouçam por si mesmos.

Nossos filhos são os alvos destes que pervertem o sentido da palavra família, que praticam promiscuidade através da sodomia, e simplesmente debocham de quem pensa contra, principalmente se esse for CRISTÃO. Meu amigo, e grande militante da família, o Deputado Federal Ronaldo Fonseca, esteve num evento parecido, nesta mesma data, promovido pela Senadora Marta Suplicy, e mesmo sob a prerrogativa parlamentar, foi impedido de participar do debate, ou seja, colocaram uma mordaça em sua boca, e por isso reafirmo estão impondo uma DITADURA GAY!

Enfim, resta-me usar estas linhas, e apelar para que a sociedade brasileira acorde! Questionem seus filhos sobre o que tem aprendido na escola sobre assuntos relacionados a sexo, ou orientação sexual.

Estão aliciando subliminarmente nossas crianças, e a proposta do movimento LBGTT que esta semana comemora 9 anos, é que aliciem nossos filhos as claras!

Um dos participantes na reunião promovida pela senadora, disse em alto e bom tom: “Precisamos dos héteros, para que continuem a procriar seus filhos para nós, os homossexuais”.

Ontem foi a união estável, hoje, os juízes já liberam a união civil; ontem foi a “Cartilha Secreta” liberada pelo ministério da Saúde, dia destes o Kit Gay; hoje querem Doutrinar nossas crianças, e amanhã? O que será?

 Líderes de igrejas cristãs ou outras religiões, formadores de opinião, amigos que também acham isso um absurdo, me ajudem a divulgar esta mensagem, e, façamos algo enquanto ainda há tempo! “… pela bocas das crianças vem o perfeito louvor” Mt.21:16

Pastor Marco Feliciano

Deputado Federal PSC-SP

Brasilia, Maio/2012

O que estamos fazendo a respeito disso.

A igreja inclusiva Cidade de Refúgio, liderada pelas pastoras Lanna Holder e Rosania Rocha lançou uma campanha de combate à homofobia.

A ação faz parte das comemorações do aniversário de um ano de existência da Cidade de Refúgio, e também do calendário do movimento LGBT, que instituiu o dia 17/05 como “Dia Internacional de Combate à Homofobia.

Na campanha criada pela Cidade de Refugio são mostrados três casais, um hétero, um gay e um lésbico, sob a descrição “Criação de Deus”.

Segundo informações do site gay A Capa, a intenção da Cidade de Refúgio é divulgar a campanha pela internet e distribuir materiais sobre o assunto durante a próxima edição da Parada Gay, em São Paulo.

O ativista pró-família Julio Severo comentou a iniciativa de Lanna Holder e Rosania Rocha, e afirmou que o motivo de a campanha ter sido lançada é a visibilidade que suas ações alcançam: “a grande mídia, eterna e incondicional apoiadora do ‘casamento’ gay, anda infeliz com a resistência do povo brasileiro às uniões gays [...] festeja cada passo que Lanna Holder, uma apóstata evangélica, dá”.

Segundo Severo, “grandes jornais do Brasil deram destaque quando Holder abriu, numa garagem simples de outro estado, uma igreja gay, tratando o evento como se fosse a inauguração de uma catedral luxuosa”, disse, referindo-se à Cidade de Refúgio.

Precisamos buscar estratégias de Deus para combater tudo que vai contra a palavra de Deus.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

COMO ADORAR A DEUS E VIVER EM SANTIDADE


LV 19:2.

Todos fomos feitos a imagem de Deus para termos um relacionamento pessoal com Deus. Quando esta comunhão é quebrada, ficamos incompletos e precisamos de restauração. A comunhão com o Deus vivo é a essência da adoração. Ela é vital, atingindo a âmago da nossa vida.

Deus forneceu instruções específicas para a adoração que lhe era agradável. Estas instruções nos ensinam a respeito da sua natureza e nos ajudam a desenvolver uma atitude correta na adoração. Através da obediência e adoração, aprendemos sobre a seriedade do pecado e a importância de pedir perdão a Deus.

Deus deixou claro o padrão de vida santa que os israelitas deveriam seguir. Eles precisavam estar separados e distintos das nações pagãs que o cercavam. Da mesma forma, todos os crentes devem ser separados do pecado e dedicados a Deus. Ele ainda deseja remover o pecado do seu povo.

As regras de Deus quanto adoração estabelecem um padrão regular de comunhão com ele. Elas incluem momentos de celebração e agradecimento, bem como reverência e consagração. A nossa adoração deveria ser um momento de devoção profunda.

Cada área de nossa vida precisa ser dedicada a Deus. Ele requer absoluta obediência nas motivações e na prática. Embora não observemos todas as práticas de adoração de Israel. Precisamos ter o mesmo espírito de preparação e motivação.

Conclusão.

No processo de santidade contínua em nossas vidas precisamos estar atentos a Deus. Deus primeiro retirou seu povo do Egito para depois retirar o Egito do seu povo. Hoje em dia para retirarmos do mundo de nossa vida, precisamos estar em processo contínuo de santidade. Como? Com leitura e estudo sistemático da palavra de Deus (A vontade de Deus em nossa vida).

Alguns trechos trechos extraídos da "Bíblia de estudo Aplicação Pessoal".

quinta-feira, 22 de março de 2012

Israel é cão que ladra e não morde diz porta voz do parlamento do Irã.

Para Ari Larijani, Israel ameaça mas não teria condições de vencer os iranianos

O porta-voz do Parlamento do Irã, Ali Larijani, declarou neste sábado (17) que Israel é como um cachorro que ladra e não morde. Seu comentário foi em relação às críticas feitas ao programa nuclear iraniano.

“Israel faz muito barulho sobre essa questão, mas não se atreve a atacar o Irã pois não está preparado para brincar com seu próprio destino “, disse Larijani, que já atuou como o principal negociador nuclear do Irã.
Israel, os EUA e seus aliados ocidentais temem que o Irã esteja desenvolvendo armas nucleares. Teerã sustenta que seu programa nuclear é puramente para fins pacíficos.

Embora os EUA digam que sempre irão apoiar Israel, o governo Obama é mais cauteloso em seu discurso. Um alto oficial militar dos EUA recentemente chamou de “imprudente” uma tentativa de ataque unilateral por parte de Israel. Os americanos temem que outros países muçulmanos possam se unir e haja ataques terroristas e uma guerra declarada no Oriente Médio.
Israel tem sido mais agressiva na sua retórica, ameaçando usar sua força militar se o Irã continuar com seu programa de enriquecimento de urânio. Recentemente, o chefe do exército israelense, o general Benny Gantz, reiterou que um Irã com armas nucleares é uma ameaça inaceitável para o Estado judeu.
Por outro lado, um documento recentemente publicado pelo aiatolá Ali Khamenei, estrategista-chefe e líder supremo da nação iraniana, ele afirma que “em nome de Alá, deve o Irã atacar Israel em 2014. Todos os nossos problemas são devidos a Israel”. O aiatolá Khamenei e, de modo especial, o presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad já declararam várias vezes que Israel era “um câncer” que devia ser removido do Oriente Médio.
Traduzido e adaptado de Times of Israel

Fonte: http://noticias.gospelprime.com.br/israel-e-cao-que-ladra-e-nao-morde-diz-porta-voz-do-parlamento-do-ira/#ixzz1ptOWIsfF

Você acha que os sinais já estão se cumprindo. Os inimigos de Jeovah estão se articulando para tentar tomar a cidade santa.

Abramos nossos olhos para os acontecimentos e entremos em interseção por Israel pois a palavra noas manda orar e interceder por Israel. Salmos 122:6-9.

"Orai pela paz em Jerusalém! Sejam prósperos os que te amam. Reine paz dentro de teus muros e prosperidade nos teus palácios. Por amor dos meus irmãos e amigos, eu peço: Haja paz em ti! Por amor da casa do Senhor, nosso Deus, buscarei o teu bem."